segunda-feira, 1 de maio de 2006

Elite da Tropa

Eu quero esse livro, que fala sobre o Bope, batalhão da polícia militar do Rio atuante em favelas da cidade.
Pra saber mais sobre ele, clica aqui.
Aliás, a PM carioca teria proibido um dos autores do livro, capitão André Batista, a dar entrevistas sobre a obra – toda permeada por nomes fictícios. Outros que assinam o livro são Rodrigo Pimentel, reformado como capitão depois de participar do documentário Notícias de uma Guerra Particular, do Salles (lembram dessa história, cujo enredo tem muito a ver com o Marcinho VP), e pelo sociólogo Luiz Eduardo Soares, tão ligados?
Confiram essa matéria aqui, por favor.

Um comentário:

Alexandre de Sousa disse...

Olá. Recomendo que tome cuidado com o que está escrito no livro Elite da Tropa. Tem muita coisa fantasiosa ali. A partir do momento que os autores afirmam que o livro é de ficção, mas dão a entender que o livro é de não-ficção disfarçado de ficção, todos acham que o livro conta histórias reais mas que somente mudam os nomes dos envolvidos e dos lugares. Ali tem coisa inventada também. Com isso que temos que ter cuidado. Boa leitura!